quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Conheça a Calábria, pérola do Mediterrâneo

Le Castella
Esse será o primeiro de muitos posts sobre a Calábria, pérola do Mediterrâneo. A idéia é desvendar toda essa região que se localiza no sul da Itália e é muito desconhecida pela grande parte dos viajantes brasileiros, extamente pela falta de informação principalmente em língua portuguesa. 

O primeiro post será um post geral de reconhecimento da região. No segundo post descreverei o meu roteiro de férias na Calábria e os posts seguintes entrarei nos detalhes de cada cidade por onde eu passei.

A Calábria:

A Calábria é uma região da Itália meridional e a sua capital é a cidade  de Catanzaro e as suas provincias são as cidades de Catanzaro, Cosenza, Crotone, Reggio Calabria e Vibo Valentia. Para termos uma idéia mais clara da localização da Calábria basta pensar que essa região está localizada bem no bico da Bota. É banhada pelos mares Tirreno e Ionio e é separada da Sicilia pelo "Stretto di Messina" - a distância mínima é 3.2km.

A Calábria possui uma costa longuissíma (741 km), alternando entre falésias e praias com águas cristalinas e uma rica ictiofauna (conjunto das espécies de peixes que existem numa determinada região biogeográfica), que transforma o seu litoral em algo sugestivo e deslumbrante.

Mas se a Calábria possui uma costa explêndida, o seu interior não fica para trás não! Montes e colinas descem até o mar, passando assim de uma paesagem costeira com muito sol e céu azul para uma paesagem de montanha com explendidas florestas e grandes pastos e lagos.

Santa Severina
 A Calábria é uma zona muito antiga e a sua história começa cerca de onze mil anos atrás. O seu território foi habitado por muitos povos antigos entre eles os Aschenazi, Ausoni-Enotri, Gregos e Romanos entre outros, e em época medieval o território foi habitado pelos povos bizantinos e normanni e depois segue o Reino de Nápoles até ser anexado no final do século XIX pelo Reino da Itália e no Século XX pela República Italiana.

Os dialetos calabreses:

Os dialetos calabreses chamam atenção dos estudiosos pela sua peculiaridade e raízes antigas. Trata-se de idiomas ricos de influências linguisticas devidos principalmente as antigas colonizações e dominações de diferentes povos. São compostos principalmente das línguas clássicas: o grego e o latim, mas também recebeu uma forte influência Arbereshe (grego-albanês), além da influência da língua árabe devido as frequentes invasões na costa calabresa dos saracenos e dos franceses através dos Normanni e dos Angioini.
Pulo do Gato:
  • A melhor forma de conhecer a Calábria é viajando de carro.  
  • Procure indicações de restaurantes antes da viagem, pois tivemos muitas dificuldades em encontrar restaurantes. A maior parte da cidades possuem muitas pizzarias.
  • Quando solicitar um prato no restaurante, se você não é fã de comidas picantes, não esqueça de avisar ao garçon pois a culinária calabresa é baseada no peperoncino.
  • Segundo a minha percepção (eu posso está errada), a beleza da Calábria está fora das grandes cidades, invista seu tempo visitando os pequenos burgos em cima dos montes e as pequenas cidades do litoral. 
  • Se você precisar de serviços de guia de turismo na Calábria a única guia habilitada em língua portuguesa nessa região é a Ana Patricia da Silva, fundadora do blog Viajando para Calabria.
  • Dica final: Divirta-se e curta essa região maravilhosa!

Marcadores

Acampamento no deserto Acordos Internacionais Arezzo Arqueologia Arte Assistencia Bagno Vignoni Bate-Papo com o Leitor Beato Angelico Berlim Brasil Brasileiros no Mundo Brunello Calábria Campanhas Campania Cantinho da Fada Peregrina Capela Sistina Cappella Brancacci Caravaggio Caserta Casertavecchia Chianciano Chianti Cinema Consulados Conversa fiada Corredor Vasariano Cortona Curiosidades Dante Datas Comemorativas Desvendando Florença Dicas de Viagem Dirigir na Italia Donatello Educaçao Enogastronomia Enquetes e entrevistas Esporte Estudar na Italia Eventos Fez Fique de olho Firenze Florença Galeria de arte moderna Ghirlandaio Giotto Governo Italiano Grandes Pensadores Guia de Turismo Guia Florença Hoteis em Florença Humor Igrejas Imigraçao Inferno Dan Brown Informatica Italia Jubileu Lavoro Legislação Italiana Leonardo da Vinci Livros Lucca Macchiaioli Mae Marrakech Marrocos Matrimonio Medici Memes Mercadinho de Natal Meus Rabiscos Michelangelo Milão Moda Montalcino Montecatini Montefalco Montepulciano Mugello Mulher Brasileira Multas Museu Davanzati Museu de São Marcos Museus Napoli Natal Nobile de Montepulciano Noticias Outlet Paestum Palazzo Pitti Palazzo Vecchio Palermo Palio Para relaxar Parceiros Patente italiana Permessos vistos e Cidadania Piazza della Signoria Piazzale Michelangelo Pienza Pisa Politicas Prostituiçao Puglia Rafael Sanzio Receitas Recursos Humanos Reis Magos Roma Sabores da Italia Salvatore Ferragamo San Gimignano San Marino San Quirico San Vivaldo Sandro Botticelli Santa Croce Santos São Francisco São Lorenzo Sardegna Saude Scaperia Sicilia Siena Sobre mim Soltando os bichos TAX FREE Teatro Romano Torre de Pisa Torres Toscana Transporte Trenitalia Truffa Turismo TV Uffizi Umbria Università Val d'Orcia Valle D' Aosta Vasari Vaticano Veneza Vesuvio Viagem Vida a dois - Vita di coppia Videos Ville Medicee Vinhos Volterra
Noticias da Bota. Imagens de tema por Storman. Tecnologia do Blogger.